Vendas nos shoppings crescem 38,2% no 2º trimestre ante 2º trimestre de 2021

O aumento nas vendas foi impulsionado pela volta do público. Foi registrado um aumento no fluxo de pessoas de 58,7% no segundo trimestre de 2022 ante o mesmo intervalo de 2021


Shoppings. Foto: Divulgação
Equipe Focus
focus@focus.jor.br
O setor de shopping centers registrou um aumento de 38,2% nas vendas no segundo trimestre de 2022 em comparação com o mesmo período de 2021. Já na comparação com o mesmo intervalo de 2019 (período anterior à pandemia), as vendas tiveram um crescimento de 4,3%.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 17, pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) com base em levantamentos do Índice Cielo de Varejo em Shopping Centers (ICVS).

A pesquisa mostrou que os brasileiros gastaram, em média, R$ 126,27 em produtos e serviços nos shoppings entre abril e junho deste ano. O valor é praticamente o mesmo do trimestre anterior (janeiro a março), que foi de R$ 126,09.

O aumento nas vendas foi impulsionado pela volta do público. Foi registrado um aumento no fluxo de pessoas de 58,7% no segundo trimestre de 2022 ante o mesmo intervalo de 2021.

O presidente da Abrasce, Glauco Humai, avaliou que os bons resultados do ano são a confirmação de que o segmento não está apenas se recuperando dos danos sofridos pela pandemia da covid-19, mas entrando em uma rota de avanço sustentável.

“A nossa expectativa é de que o aumento nas vendas no setor será gradual e contínuo no segundo semestre de 2022, alavancado, ainda, por datas comemorativas como o Dia dos Pais, Dia das Crianças, Black Friday e Natal”, afirmou o executivo em nota.

Agência Estado