TJCE realiza primeira sessão virtual de julgamento de processos do Judiciário cearense

Na ocasião, foram julgados 37 habeas corpus no intervalo de uma hora. Três pedidos de vistas foram adiados para a próxima sessão, que ocorrerá dia 14. Houve uma sustentação oral em habeas corpus feita pelo advogado Manoel Abílio


Primeira sessão virtual da história do Judiciário cearense
Primeira sessão virtual da história do Judiciário cearense

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A primeira sessão virtual de julgamento de processos da história do Poder Judiciário cearense foi realizada na manhã desta terça-feira, 7 , pela 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Os desembargadores fizeram a análise das ações utilizando o sistema de videoconferência. É mais uma medida de prevenção à disseminação do novo coronavírus.

Na ocasião, foram julgados 37 habeas corpus no intervalo de uma hora. Três pedidos de vistas foram adiados para a próxima sessão, que ocorrerá dia 14. Houve uma sustentação oral em habeas corpus feita pelo advogado Manoel Abílio.

Os magistrados utilizaram a ferramenta “Voto Provisório”, que dá celeridade à análise das ações porque permite estudar e discutir o voto previamente, antes de serem levados para sessão.

O presidente da 3ª Câmara Criminal, desembargador Lincoln Araújo e Silva, considerou “positivo o resultado na pioneira reunião virtual”. Ressaltou a dedicação dos profissionais lotados na Secretaria de Tecnologia da Informação (Setin), dirigida pela secretária Denise Norões, que forneceu todo o suporte necessário ao êxito da reunião e parabenizou o desembargador José Tarcílio Souza da Silva, que está à frente da Comissão de Tecnologia do Tribunal.

Com informações do TJCE