TJCE arrecada R$ 1 milhão em leilão eletrônico de imóveis

Todo valor apurado será utilizado para aplicação em novos investimentos de modernização do Judiciário e melhoria dos serviços.


Foto: Divulgação

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) realizou seu primeiro leilão eletrônico de imóveis, com  a venda de prédios e casas no Interior do estado. No caso,  pessoas físicas e jurídicas sem vínculos com a instituição participaram com lances. Os bens leiloados ontem, 18,  fazem parte do parte do patrimônio da Corte judicial cearense e que estavam em desuso ou não atendiam mais à finalidade institucional. Todo valor arrecado (R$ 1.074.952,78) será utilizado para aplicação em novos investimentos de modernização do Judiciário e melhoria dos serviços.

O leilão foi considerado um marco pelo secretário de Administração e Infraestrutura do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), Moisés Costa. “O procedimento fecha um ciclo de estruturação que teve início na gestão do desembargador Gladyson Pontes e foi conduzida pelo desembargador Washington Araújo, que designou uma comissão e servidores para trabalhar no processo de levantamento, análise e avaliação dos imóveis. Houve todo um esforço de implementação da gestão de bens patrimoniais do Tribunal de Justiça, com desenvolvimento de sistemas, normativos e procedimentos internos de trabalho, para que cada ativo fosse constantemente avaliado e monitorado.”

A alienação dos imóveis foi autorizada pela Assembleia Legislativa do Estado do Ceará por meio da Lei nº 16.715/2018. Quem conduz os trabalhos é a Comissão Especial de Avaliação e Alienação de Bens Imóveis, presidida pelo desembargador Paulo Airton Albuquerque Filho.

*Com informação TJCE