Tasso sugere meia volta… volver! na Previdência para não atrasar reforma

"Vamos discutir, sendo o caso eu jogo para a PEC paralela se tecnicamente se chegar a essa conclusão", disse o relator indicando o recuo.


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Relator da nova Previdência no Senado, Tasso Jereissati (PSDB) já entende que as mudanças que fez no texto com origem na Câmara dos Deputados pode provocar atrasos na aprovação. Resultado: o senador já admite mudar os pontos que podem fazer, via decisão judicial, com que o projeto retorne para análise dos deputados.

“Existe essa discussão entre os técnicos, mas não vai haver atraso nenhum. Nós vamos discutir, sendo o caso eu jogo para a (PEC) paralela se tecnicamente se chegar a essa conclusão [de que houve mudanças no mérito do projeto original]”, disse o relator ao Broadcast Político do Estadão.

Leia a respeito
+Tasso mudou a Previdência para melhor, mas pode atrasar a reforma