Startup cearense Mymarca inova em registro de marca no empreendedorismo

"Cobrar valores entre R$ 3 mil e R$ 12 mil para registrar uma marca empresarial é algo que beira a insanidade. Por isso que a Mymarca veio para romper com esse vício de mercado, onde o valor para o registro de uma marca será de tão apenas R$ 1 mil e nada mais", destacam os idealizadores da Mymarca


 

Erivelto Gonçalves Jr e Frederico Cortez, cofundadores da Mymarca, com sede no BS Design em Fortaleza-Ce. Foto: Divulgação

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A startup cearense Mymarca- Soluções em propriedade industrial e intelectual traz um novo conceito e formato para garantir a segurança da marca empresarial para o (a) empreendedor (a). Com essa proposta, a empresa alia tecnologia, know-how, acessibilidade, transparência e com um preço bem abaixo em relação ao que o mercado tradicional vem praticando atualmente. A startup mira o mercado local, mas com planos de expansão para a região Nordeste.

Com a experiência e sentimento de quem já atua há mais de uma década na advocacia empresarial em todo Nordeste brasileiro, os co-fundadores da Mymarca, Frederico Cortez e Erivelto Gonçalves Jr, identificaram que há muitos obstáculos para quem está disposto a empreender no Brasil. Dentre eles, os advogados empresariais destacam o registro da marca empresarial junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI).

O empreendedorismo tem que ser incentivado e não punido por um formato ultrapassado, com um altíssimo custo e fora do novo propósito de mercado que habita a tecnologia, destacam os empreendedores da startup Mymarca. “No atual cenário e que veio para ficar, não dar mais para o (a) empreendedor (a) ser penalizado para colocar em prática sua ideia e assim gerar um negócio. Cobrar valores entre R$ 3 mil e R$ 12 mil para registrar uma marca empresarial é algo que beira a insanidade. Por isso que a Mymarca veio para romper com esse vício de mercado e inovar, onde o valor para o registro de uma marca empresarial será de tão apenas R$ 1 mil e nada mais”, concluem os empreendedores da startup cearense.

O cliente em contato com a Mymarca faz todo o processo via online através da plataforma https://mymarca.tec.br/, acessada tanto pelo computador como pelo aparelho de telefonia móvel celular. Assim, até mesmo os documentos necessários para o registro da marca do negócio são enviados pelo próprio celular do (a) empreendedor (a), bem como abrir chamadas online com a Equipe Mymarca, fazer o acompanhamento em tempo real de toda a cadeia do processamento do registro da sua marca junto ao INPI e receber as atualizações em cada fase. O contrato também conta com assinatura digital que é enviado automaticamente para o e-mail do (a) empreendedor (a), ao cadastrá-lo no formulário da plataforma da startup.

A startup Mymarca tem sua sede no BS Design Corporate Towers, em Fortaleza-CE.