Sesa e BNDES articulam parcerias para financiar usinas de oxigênio no Ceará

Chamado de Programa Matchfunding – Salvando Vidas, a iniciativa também foca na proteção dos profissionais da linha de frente do combate à COVID-19.


Sesa e BNDES articulam parcerias para financiar usinas de oxigênio no Ceará. Foto: divulgação.

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) firmaram uma parceria para buscar parceiros para incentivar empresas a doarem insumos e custearem a instalação de usinas de oxigênio para unidades hospitalares no Brasil.

Chamado de Programa Matchfunding – Salvando Vidas, a iniciativa também foca na proteção dos profissionais da linha de frente do combate à COVID-19. Pelo programa, cada R$ 1,00 doado pelas empresas é dobrado pelo BNDES.

“Nosso objetivo é evitar o risco e os custos das transferências de pacientes por escassez de oxigênio. A Sesa vislumbra, através das usinas instaladas nos hospitais dos municípios, uma rede de proteção permanente à vida, que ficará como legado pós-pandemia, viabilizando o funcionamento de estruturas hospitalares complexas de forma descentralizada, consolidando o atendimento amplo a todos os pacientes em suas cidades ou Regiões de Saúde”, ressalta o secretário da Saúde do Ceará, Carlos Alberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto).

O Matchfunding Salvando Vidas funciona com instituições parceiras do BNDES que operacionalizam as doações (Bionexo, EY, SITAWI Finanças do Bem, Confederação das Santas Casas de Misericórdia-CMB e Benfeitoria). As instituições recebem as doações das empresas e do Banco de fomento, negociam com os fornecedores e acompanham a instalação das usinas, tudo dentro de um processo de transparência e de auditoria. A sensibilização pode ser estendida aos colaboradores das empresas, que também podem fazer doações no conceito do Matchfunding.

O valor mínimo solicitado aos doadores é de R$ 100 mil. Uma miniusina de 30m³/h custa R$ 1,1 milhão para ser instalada. Já a microusina de 20m³/h tem valor de instalação em torno de R$ 600 mil.