Região Metropolitana de Fortaleza segue com a maior inflação acumulada do País

Itens com as maiores altas são habitação (6,87%), educação (5,88%), saúde e cuidados pessoais (5,21%) e transportes (3,87%)


Foto: USP/Imagens

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A inflação na Região Metropolitana de Fortaleza ainda é a mais alta do País em 2019. De acordo com o IBGE, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ficou em 3,45% no período de janeiro a outubro. No mês passado, a alta foi de apenas 0,04%.

Os itens que mais acumulam alta são habitação (6,87%), educação (5,88%), saúde e cuidados pessoais (5,21%) e transportes (3,87%). No Brasil, a inflação acumulada é de 2,6%. No mês passado, o IPCA nacional ficou em 0,10%.