Em Estocolmo, o estilo Ciro se fez presente

O pedetista misturou inglês com português quando abordou o caso jurídico que envolve o ex-presidente Lula


Da Redação
focus@focus.jor.br

Em palestra na Câmara de Comércio Brasil-Suécia, na terça-feira, em Estocolmo, Ciro Gomes chegou a misturar inglês com português na mesma frase quando abordou o caso jurídico que envolve o ex-presidente Lula. Ciro inseriu palavrões em português em sentenças proferidas em inglês. Numa Ciro mandou a seguinte: “If you call me thief, filho da puta, golpista, it’s crazy for me”. Algo como “se você me chamar de ladrão, filho da puta, golpista, é loucura pra mim”.

A platéia era formada por suecos e brasileiros, entre os quais o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, que estudou nos EUA e domina o inglês. Noutro momento, Ciro disse:  “I could imagine that Lula could send me to puta que pariu, from jail”. Numa tradução literal, “Eu poderia imaginar que Lula poderia me mandar para puta que pariu, da cadeia”.

A secretária de relações internacionais de Fortaleza, Patrícia Macêdo, que é fluente na língua inglesa, foi a tradutora, mas preferiu não traduzir os pesados termos proferidos em português.

Veja a partir de 1h05min

Palestra na Câmara de Comércio Brasil-Suécia, em Estocolmo.

Posted by Ciro Gomes on Tuesday, May 15, 2018