Operação da PF é deflagrada contra contra grupo que pede prisão de ministros do STF

Agentes cumprem mandados de busca e apreensão no Distrito Federal, Minas Gerais e São Paulo


Foto: Agência Brasil.

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Foi deflagrada nesta sexta-feira, 27, pela Polícia Federal, uma operação para investigar um grupo que realizava propaganda, nas redes sociais. O conteúdo pedia intervenção militar e a prisão de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Agentes cumprem mandados de busca e apreensão no Distrito Federal, Minas Gerais e São Paulo. De acordo com a PF, um dos investigados na operação, é o ex-funcionário do Ministério dos Direitos Humanos, Renan Silva Pena, que foi demitido depois de divulgar vídeo com ofensas a autoridades.

O órgão ainda comentou que os trabalhos começaram depois da publicação de um vídeo realizado na frente do prédio do STF, por dois dos investigados. Nas redes sociais, os alvos incitavam a “animosidade entre as Forças Armadas e as instituições civis”.