O STF atinge 35 mil processos em tramitação, o menor da história do Tribunal

Entre setembro de 2018 e 2019, o STF realizou 122 sessões: 78 presenciais, 41 virtuais e três solenes. Foram julgados no período 3.439 processos, sendo até agora a Corte constitucional que mais julga no mundo.


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Supremo Tribunal Federal divulgou nesta sexta-feira, 13, que o Tribunal chegou ao total de 35 mil processos em tramitação, menor número desde a Constituição de 1988. A redução foi graças ao total de processos julgados entre setembro de 2018 e 2019. Neste período, o STF realizou 122 sessões: 78 presenciais, 41 virtuais e três solenes. Foram julgados no período 3.439 processos, sendo até agora a Corte constitucional que mais julga no mundo.

No período, foram proferidas 114,5 mil decisões: 98,7 mil monocráticas e 16,2 mil colegiadas, sendo 88,3 mil decisões finais.

Foram registrados à Presidência 67,5% dos agravos em recursos extraordinários (AREs) recebidos no Tribunal. Uma redução de 32,5% no volume desses processos distribuídos aos ministros. A Presidência recebeu 42,7 mil processos, proferiu 41,3 mil decisões, sendo 35,4 mil decisões finais, e efetuou 5,8 mil despachos de expediente nos feitos de classe recursal, decisões de devolução pela sistemática da repercussão geral e julgamento de recursos internos. Nos plantões de dezembro/janeiro de 2018 e julho deste ano, o presidente analisou 2,7 mil processos.