Na mais nova rodada FSB/BP: Alckmin à frente de Ciro e Amoêdo de Marina

Pela primeira vez na série histórica, o tucano aparece em terceiro lugar numa pesquisa e em tendência de subida


Por Fábio Campos

Pela primeira vez, o tucano Geraldo Alckmin aparece em terceiro lugar numa pesquisa e em tendência de subida. É o que apresenta a pesquisa FSB/BTG Pactual que saiu do forno na madrugada desta segunda-feira, 01 de outubro. O candidato do PSB apresentou ao longo das últimas três semanas uma ascensão lenta e gradual de 6% em 15 de setembro, para 8% em 23 até chegar aos 11% de hoje.

Nas cinco últimas pesquisas semanais do FSB/BTG Pactual, é a primeira vez que Alckmin aparece na frente de Ciro Gomes (PDT), que obteve 9%. Outra novidade dessa rodada é o quinto lugar de João Amoêdo (NOVO), que supera Marina Silva (REDE) por 4 a 4.

Faltando seis dias para as eleições, o tucano ainda terá que crescer muito para chegar no patamar que hoje têm os líderes. Jair Bolsonaro oscilou para baixo (tinha 33% há uma semana) e hoje está com 31%. Fernando Haddad tinha 23% e oscilou para 24%. Há uma semana, a diferença numérica ente os dois era de dez ponto percentuais e passou para sete pontos.

Deve-se levar em consideração que a pesquisa FSB tem margem de erro de dois pontos percentuais. Portanto, em relação aos dois líderes, utilizando os limites da margem de erro, Bolsonaro pode estar com 33% (ou 29%) e Haddad com 22% (ou 26%). Dessa forma, a diferença entre os dois pode ser 11 pontos ou três pontos.

Veja a tabela com a série histórica da pesquisa FSB/BTG Pactual.

O Instituto FSB Pesquisa entrevistou, por telefone fixos e móveis, 2 mil eleitores das 27 unidades da Federação entre os dias 29 e 30 de outubro. Portanto, durante o fim de semana marcado por manifestação contra e pró-Jair Bolsonaro (PSL).