Cearenses da CSP são destaque no Desafio Internacional do Aço na Espanha

No circuito, os profissionais tiveram de produzir aço de acordo com as especificações solicitadas e com o menor custo possível no tempo de duas horas


Equipe cearense da CSP na Espanha. Foto: Divulgação CSP

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Empregados cearenses da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) foram os destaques na 13ª edição do Desafio Internacional do Aço em Madri, na Espanha, encerrada ontem, 16. Ao todo, 1.905  profissionais de todas as partes do mundo participaram da competição.

No circuito, os cearenses tiveram de produzir aço de acordo com as especificações solicitadas e com o menor custo possível no tempo de duas horas. Na etapa 2019, os participantes realizaram uma simulação de produção de aço em processos integrados no refino primário e secundário.

O analista de suprimentos da CSP, Marcelo Angelotto, conquistou o quarto lugar na maior competição de aço mundial. Outro destaque foi o também analista da CSP Daniel Gouvêia.

No ranking da categoria Industrial das Américas do Norte e do Sul, além do Marcelo, quatro são analistas e trainees da CSP: Diego Costa, Emmanuel Almeida, Hana Coelho e Renardir Maciel.