Mudanças no escritório físico são necessárias para fortalecer a relação com o cliente. Por Matheus Brito 


Matheus Brito é sócio-diretor da Unijuris. Foto: Divulgação

A cada período há mudanças agregadoras nos espaços físicos de escritórios e locais de trabalho que podem torná-los mais atrativos e aconchegantes. O momento de pandemia que vivemos nos últimos anos forçou pessoas e empresas a modificarem espaços menos frequentados e a darem nova utilidade a outros, trazendo uma reformulação para ambientes.

Uma dessas reformulações pode ser aproveitar melhor o coworking, mais conhecido como escritório inteligente, que traz tudo o que o empreendedor ou empresa precisa em apenas um lugar.

Segurança, melhor custo-benefício, espaço completo para atender o cliente, mas o que cresceu e chegou como diferencial no coworking durante a pandemia foram os escritórios inteligentes voltados para um nicho específico.

Podemos citar o coworking para advogados, onde esse profissional tem o espaço adequado para atender sua clientela, com endereço fiscal e toda a estrutura e serviços de um escritório gastando apenas pelo tempo que utilizar.

Além disso, é um excelente espaço para fazer network, já que todas as pessoas que estão ali são da mesma área que você.

Aquele espaço em casa que era subutilizado, pode também tornar-se um escritório na comodidade de casa. Empresas e empreendedores que passaram a viver do Home Office encontraram em espaços dentro de casa um conforto para realizar as atividades do dia a dia. Existem alguns questionamentos sobre esse modelo de escritório como, por exemplo, quando o empresário ou profissional autônomo precisar de uma reunião com o cliente, como ele irá fazer? indico o coworking, como citei acima. Mas, de maneira geral, para quem trabalha 100% Home Office, sem tantas reuniões presenciais, essa opção funciona bastante.

Existem espaços que também buscam gerar uma experiência inspiradora para o visitante. Seja no layout, no atendimento, na tecnologia ou até mesmo na forma de servir o cafezinho, o cliente que adentra ao local precisa se sentir acolhido e valorizado, enquanto a empresa exprime a sua identidade única. Isso acontece, por exemplo, em restaurantes, hotéis e certas lojas de roupas que inovam no atendimento. O mais importante de tudo é que seu ambiente esteja sempre moderno e reformulado para atender o cliente da melhor forma que ele merece.

Nota do editor: os pontos de vista assinados por colaboradores não refletem necessariamente o pensamento do Focus.jor, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.