Mourão: Pazuello deve sair do Ministério da Saúde em agosto

"Acredito que em mais um mês, em agosto, Bolsonaro vai retornar da quarentena e analisar outros nomes", adiantou o vice-presidente


General Eduardo Pazuello. Foto: alter Campanato/Agência Brasil
General Eduardo Pazuello. Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O vice-presidente Hamilton Mourão falou que o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, deverá sair do cargo em agosto. Pazuello está à frente da pasta de maneira interina.

Em entrevista ao site UOL, Mourão disse: “Pazuello assumiu interinamente e está há dois meses na função. Acredito que em mais um mês, em agosto, Bolsonaro vai retornar da quarentena e analisar outros nomes”, declarou.

O vice-presidente complementou: “O que diz a nossa legislação é que o militar da ativa, quando colocado fora da força, pode permanecer por até dois anos nessa função. Se desejar continuar, tem que ir pra reserva. Se ele (Pazuello])perde a passagem para a reserva agora, vai para o espaço. O cara tem que estar sempre apoiado”.