Moro pede reintrodução de itens no pacote anticrime: “precisamos avançar”

Dentre os itens "pedidos" pelo ministro estão a execução da sentença do júri, agente infiltrado e proibição de benefício prisional ao condenado ligado a facções


Ministro Sergio Moro
Ministro Sérgio Moro. Foto: Divulgação Twitter

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O ministro da Justiça, Sergio Moro, explicou que o pacote anticrime apresentado em fevereiro precisa reintroduzir itens importantes para o seu funcionamento.

Em seu Twitter, o ministro ressaltou: “Na semana, perspectiva de votação na Câmara do #Projetoanticrime . Seria importante reintroduzir no projeto temas importantes como execução da sentença do Júri, agente infiltrado, proibição de benefício prisional ao condenado faccionado, entre outras. Sim, precisamos avançar”.

A proposta de Moro passou por uma série de modificações após um grupo de trabalho com diversos deputados analisarem o pacote anticrime. O resultado é um texto completamente novo que retira, por exemplo, o excludente de ilicitude e a prisão após condenação em segunda instância.

Leia Mais
+Moro admite “dificuldade” em tramitação do projeto anticrime no Congresso
+TCU mantém decisão de suspender propaganda do pacote anticrime