Ministro inglês chega atrasado dois minutos, pede desculpas ao parlamento e renuncia ao cargo

Vejam o vídeo de 58 segundos em que Lord Bates relata sua "vergonha" a seus pares


Após atraso de dois minutos para chegar à sessão do parlamento, demorou 58 segundos para Lord Michael Bates pedir desculpas profusamente, oferecer sua renúncia e deixar a Câmara dos Lordes. “Estou completamente envergonhado, portanto, devo anunciar minha renúncia ao primeiro-ministro. Com efeito imediato”.

O ministro era aguardado às 15h no Parlamento na quarta-feira, 31, para falar sobre desigualdade de renda, mas se atrasou cerca de dois minutos. Em sua ausência, a pergunta foi respondida por outra autoridade.

“Durante cinco anos nos quais tive o privilégio de responder aos questionamentos em nome do governo, sempre acreditei que deveríamos nos elevar aos padrões mais altos possíveis de educação e respeito”, justificou Bates.

Mais tarde, o gabinete da primeira-ministra britânica Theresa May, que está em uma visita comercial à China, recusou a renúncia.

Assistam o vídeo com os espetaculares 58 segundos de Lord bates.