Mercado de imóveis no Ceará cresce 81% e gera VGV de R$ 172 milhões em agosto

No total foram comercializadas 255 unidades de residenciais verticais no mês passado


Prédios. Foto: Freepik

Átila Varela
atila@focus.jor.br

As vendas dos residenciais verticais no Ceará cresceram 81% em agosto no comparativo com o mesmo período do ano passado. É o que revela o levantamento Flash Imobiliário da Lopes Immobilis.

No total, foram comercializadas 255 unidades contra 141 de 2019. O Valor Geral de Vendas (VGV) atingiu R$ 172 milhões. Em agosto de 2019, o VGV  girou em R$ 95 milhões.

O movimento foi puxado especialmente por empreendimentos de médio padrão, com valores entre R$ 350 mil e R$ 699 mil e de alto padrão – R$ 700 mil a R$ 1,49 milhão. No total, foram vendidas 152 unidades do médio e 48 do alto no mês passado.

Em 2020, já foram vendidas 925 unidades de residenciais verticais, representando R$ 712 milhões em VGV. Mesmo com os números em recuperação, os valores registrados são 24% inferiores na margem comparativa de janeiro a agosto de 2019.

Critério de análise
O relatório da Lopes Immobilis leva em conta o trabalho de 66 construtoras e incorporadoras. As regiões elencadas foram Fortaleza, Eusébio, Aquiraz e Caucaia.

Acesse o relatório completo em aqui.