Mercado da construção civil na RMF cresce 5% em 2020

Apesar do crescimento do número de unidades, o valor das vendas caiu 5% no ano


Prédios do programa Minha Casa Minha Vida. Foto: Reprodução Google

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Em 2020 o setor da construção civil na Região Metropolitana de Fortaleza registrou uma alta de 5% no número de unidades vendidas. Ao todo, foram 5.052 imóveis comercializados, segundo dados do Sinduscon Ceará. Em 2019, haviam sido 4.819 unidades.

Apesar da alta, o valor geral de vendas (VGV) do setor foi de R$ 1,9 bilhão, queda de 5% ante o resultado de 2019 (R$ 2,0 bilhões).

Mas, considerando apenas as vendas de apartamentos do programa Minha Casa Minha Vida (faixas 2 e 3), houve um crescimento de 38% no VGV, e no segmento de casas o crescimento foi de 27%, também para as faixas 2 e 3.

De acordo com o Sinduscon, os maiores volumes de vendas de imóveis em 2020 foram registrados nos bairros Aldeota, Parque Dois Irmãos e Messejana, em Fortaleza; e nos municípios de Eusébio e Maracanaú.

Lançamentos
Com relação aos lançamentos, o destaque foi para os apartamentos de médio e alto padrão que tiveram um incremento médio de 325% em 2020, ante 2019. Em 2020, foram lançadas uma média de 98 unidades por mês. Já o número de distratos reduziu 63% em 2020, com 503 desistências ao longo do ano.

“(Em 2020) oferecemos os subsídios necessários para que nossos associados consigam desenvolver os empreendimentos de forma mais assertiva, o que torna o mercado mais saudável”, disse Patriolino Dias de Sousa, presidente do Sinduscon Ceará.