Mandetta desiste de candidatura para eleições de 2022

Mandetta era o último presidenciável no partido, já que Rodrigo Pacheco trocou o DEM pelo PSD


Foto: AFP.

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta desistiu de disputar a Presidência da República nas próximas eleições pela União Brasil, partido decorrente da aliança entre a sua atual legenda, o DEM, e o PSL.

Mandetta era o último presidenciável no partido, já que Rodrigo Pacheco trocou o DEM pelo PSD; e José Luiz Datena deixou o PSL e deve disputar algum cargo em São Paulo, também pelo PSD.

Segundo O Antagonista, Mandetta vai disputar uma vaga na Câmara ou no Senado pelo Mato Grosso do Sul.

O ex-ministro da Saúde deixou o governo Bolsonaro logo no início da pandemia e, desde então, era cotado como possível candidato a presidente da República e atuava como um dos principais articuladores da chamada “terceira via”.