Justiça aguarda menos de 48 horas para Avianca analisar proposta da Azul

Despacho foi assinado na noite de ontem, 14, pelo juiz Tiago Limongi, da 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo


Base de informações da Avianca. Foto: Divulgação

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A Avianca Brasil tem menos de 48 horas para analisar uma nova proposta da Azul, independente do parecer ser contra ou à favor. A ideia da Azul é transformar a companhia aérea em Unidades Produtivas Isoladas (UPI) numa só e levar a leilão até o dia 20 de maio um lance mínimo de R$ 578 milhões (US$ 145 milhões).

O despacho foi assinado na noite de ontem, 14, pelo juiz Tiago Limongi, da 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo. Em entrevista ao Globo, o presidente da Latam Airlines, Jerome Cadier, destacou que o processo de recuperação judicial está demorando muito. O risco, alerta, é de que não “se recupere nada” em decorrência dos atrasos.