Ivo Gomes é multado em R$ 150 mil após aglomeração durante campanha eleitoral

A decisão foi tomada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) nesta semana, em conformidade com o Ministério Público Eleitoral


Ivo Gomes durante evento em Sobral. Foto: Divulgação

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A Justiça Eleitoral do Ceará manteve a decisão sobre a multa no valor de R$ 150 mil ao prefeito de Sobral, Ivo Gomes, após o pedetista ter promovido aglomeração durante a campanha eleitoral de 2020, no município. No pleito, Ivo foi reeleito.

A decisão foi tomada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) nesta semana, em conformidade com o Ministério Público Eleitoral. As informações são do jornal O Povo.

De acordo com o MPE, Ivo havia recorrido ao TRE-CE depois de ter sido condenado em primeira instância judicial pela promoção de um evento político que gerou aglomeração na véspera do pleito, no mês de novembro. O pedetista percorreu as ruas de Sobral a bordo de um “veículo”, sendo seguido por apoiadores em carros e motos.

A multa antes estava fixada em R$ 250 mil, mas acabou sendo reduzida. Contudo, o MPE ressaltou que o valor de R$ 150 mil será “suportado” exclusivamente pela pessoa física de Ivo.