Ivens Jr, presidente do Conselho da M.Dias Branco, sobre 2021: “Desafiador”

Pode até parecer desanimador, mas o empresário pondera sobre o futuro: "Tempos desafiadores impõem cautela e prudência, mas nada de desânimo. Oportunidades vão surgir e é preciso estar preparado para saber aproveitá-las".


A receita de Ivens Dias Branco Jr: M.Dias: “Gestão simples e compartilhada alcançam resultados mais perenes e sustentáveis”.

Por Fábio Campos
fabiocampos@focus.jor.br

Quem conversa com Ivens Dias Branco Jr. acerca do que virá em 2021 ouve uma avaliação repleta de precaução: “Estamos acompanhando todos os acontecimentos e procurando nos preparar para o próximo ano. Acredito que será um ano muito desafiador”.

Por “desafiador” entenda-se que o cabeça da empresa que lidera o competitivo mercado nacional de massas e biscoitos fincou os pés no chão diante de tempos que vão continuar difíceis, mas pondera: “Tempos desafiadores impõem cautela e prudência, mas nada de desânimo e nem pânico. Oportunidades, com certeza, irão surgir. É preciso estar preparado para saber aproveitá-las.”

O setor que tem o trigo importando como matéria prima trabalha com uma variável que as empresas não controlam: o câmbio. A desvalorização do Real diante do Dólar foi o maior obstáculo da M.Dias Branco durante 2020.

 

Fábio Campos

Jornalista graduado pela Universidade Federal do Ceará (UFC), foi repórter de política e articulista do O Povo, o mais tradicional veículo de jornalismo impresso do Ceará, onde editou a Coluna Política por 14 anos (1996-2010) e a Coluna Fábio Campos por sete anos (2010-2017). Também foi editorialista do mesmo veículo entre 2013 e 2017. Concomitantemente às funções no jornal, editou o Anuário do Ceará por 15 anos, modernizando o conteúdo e o projeto gráfico da prestigiada publicação. Apresentou o programa Jogo Político na TV O Povo por 12 anos, ancorou o programa Contraponto na TV Cidade (Record), foi comentarista de política na TV Jangadeiro (SBT) e na rádio O Povo/CBN. Em agosto de 2017 iniciou a startup Focus.jor.