Itaú aumenta lucro em 64% em um ano e atinge R$ 6,4 bilhões no 1º trimestre

O crescimento da arrecadação também é registrado se comparado ao último trimestre do ano ano passado, chegando a 18,7% ante os R$ 5,388 bilhões apresentados no período.


Agência do Banco Itaú.
Agência do Banco Itaú. Foto: Divulgação Itaú

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Itaú Unibanco registrou um lucro líquido recorrente de R$ 6,398 bilhões no primeiro trimestre deste ano, uma alta de 63,5% se comparado aos R$ 3,912 bilhões do mesmo período de 2020.

O crescimento da arrecadação também é registrado se comparado ao último trimestre do ano ano passado, chegando a 18,7% ante os R$ 5,388 bilhões apresentados no período.

O lucro líquido contábil ficou em R$ 5,414 bilhões, uma alta de 59%.

A carteira de crédito do Itaú avançou 4,2% ante o último trimestre de 2020, para R$ 906,4 bilhões, sendo que a carteira de crédito imobiliário cresceu 12,1% com produções recorde ao longo dos meses, afirmou a instituição.

Mesmo com o efeito positivo do aumento da carteira de crédito, a margem financeira com clientes recuou 5,1%. “Essa redução se deve à mudança de mix da carteira de crédito, seja por menor participação de produtos rotativos como por uma maior participação de produtos com garantia, além de menores spreads em produtos de crédito e pelo impacto da redução da taxa de juros em nosso capital de giro próprio e na margem de passivos”, explicou o banco.

O Itaú ressalta que a redução na margem financeira com clientes foi compensada pelo aumento na margem financeira com o mercado e pela redução no custo do crédito. “Ambos os movimentos estão relacionados com a inesperada volatilidade no cenário macroeconômico que marcou o primeiro trimestre de 2020”, disse a empresa.