Instituto de Ciências Médicas formaliza doação de hospital à UFC

As instalações do futuro hospital localizam-se no complexo que reúne a Faculdade de Medicina da UFC


Maquete eletrônica do Instituto de Ciências Médicas Paulo Marcelo Martins Rodrigues. Foto: Divulgação

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Instituto de Ciências Médicas Paulo Marcelo Martins Rodrigues(ICM) formalizou, nesta manhã, à Universidade Federal do Ceará (UFC), a doação do prédio do Hospital construído no Polo Médico de Porangabussu.

Em documento assinado pelo fundador do ICM, Dr. Cabeto, e pelo presidente do Instituto, Plínio José da Silva Câmara, e dirigido ao reitor Cândido de Albuquerque, a instituição informa que “decidiu doar as instalações já construídas para a Universidade Federal do Ceará, incluindo os projetos de engenharia e arquitetura”.

O comunicado, protocolado no gabinete do reitor, também explicita que “a doação será integral, tanto do equipamento de saúde quanto do terreno – de inteira propriedade do ICM – que a construção doada ocupa”.

Na tarde de ontem, 23, a UFC havia informado que não tinha recebido o termo de formalização da proposta.

Sobre o ICM
O ICM é uma instituição da sociedade civil, sem fins lucrativos e tem como objetivo a implementação, no Ceará, de um Centro de Referência Nacional em Pesquisa, Ensino, Assistência de alta qualidade e Produção de Tecnologia. Desde sua criação o ICM se dedicada ao desenvolvimento das ciências médicas no Estado, com programas próprios ou através de colaboração com os setores público e privado.

Dentre essas parcerias, destaca-se a estabelecida com a Universidade Federal do Ceará – UFC, através de convênios com finalidades educacionais nas áreas de ensino e pesquisa nas ciências médicas.

As instalações do futuro hospital localizam-se no complexo que reúne a Faculdade de Medicina da UFC, o Hospital Universitário Walter Cantídio, a Maternidade Escola Assis Chateaubriand, o Instituto do Câncer, o Hemoce – Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceara, e a área em que se projeta a instalação do Distrito de Inovação Tecnológica e do Bairro Inteligente de Porangabussu.