Horário eleitoral fará candidatos entrarem na casa dos fortalezenses; veja em 1ª mão filme de estreia de Heitor Freire na TV

Sempre um marco das campanhas políticas, os programas vão ao ar de segunda a sábado. Na TV, das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40. No rádio, das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10.


Começa amanhã, 9 de outubro, o horário eleitoral no rádio e na televisão. É sempre um marco das campanhas políticas. Os programas vão ao ar de segunda a sábado. Na TV, das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40. No rádio, das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10.

 

 

Eis o tempo cada candidato na sequência de exibição:

  • Capitão Wagner (Pros): 01’30’’30
  • Anízio Melo (PC do B): 00’18’’62
  • Sarto Nogueira (PDT): 04’00’’83
  • Samuel Braga (Patriota): 00’17’’42
  • Luizianne Lins (PT): 01’11’’18
  • Heitor Freire (PSL): 01’08’’79
  • Célio Studart (PV): 00’11’’45
  • Renato Roseno (Psol): 00’18’’62
  • Heitor Férrer (SD): 01’02’’82

Os candidatos José Loureto (PCO) e Paula Colares (UP) não terão direito à propaganda no rádio e TV por não terem representação na Câmara dos Deputados.

Além dos blocos diários, as inserções de 30 ou 60 segundos vão preencher os comerciais das emissoras. São essas as propagandas consideradas mais fortes por aparecerem sem que a audiência espere. No total, serão 70 minutos diários. 60% (42 minutos) para os candidatos a prefeito e 40% (28 minutos) para os candidatos a vereador.

Abaixo, veja em primeira mão o primeiro programa do candidato Heitor Freire, do PSL.

Fábio Campos

Jornalista graduado pela Universidade Federal do Ceará (UFC), foi repórter de política e articulista do O Povo, o mais tradicional veículo de jornalismo impresso do Ceará, onde editou a Coluna Política por 14 anos (1996-2010) e a Coluna Fábio Campos por sete anos (2010-2017). Também foi editorialista do mesmo veículo entre 2013 e 2017. Concomitantemente às funções no jornal, editou o Anuário do Ceará por 15 anos, modernizando o conteúdo e o projeto gráfico da prestigiada publicação. Apresentou o programa Jogo Político na TV O Povo por 12 anos, ancorou o programa Contraponto na TV Cidade (Record), foi comentarista de política na TV Jangadeiro (SBT) e na rádio O Povo/CBN. Em agosto de 2017 iniciou a startup Focus.jor.