Grendene autoriza retomada total das atividades no Ceará no dia 13 de julho

A empresa tem operações em Fortaleza, Crato e Sobral


Fábrica da Grendene em Sobral. Foto: Divulgação Grendenea
Fábrica da Grendene em Sobral. Foto: Divulgação Grendenea

Átila Varela
atila@focus.jor.br

A Grendene autorizou a retomada das atividades no Ceará, respeitando o decreto de isolamento social e o plano de retomada da economia no Estado.

O comunicado publicado hoje, 10, também versa sobre as operações no Brasil. “As atividades da Companhia serão normalizadas, em todas as unidades do Brasil, a partir de 13 de julho de 2020, respeitando os decretos municipais e estaduais vigentes, assim como o Modelo de Distanciamento Controlado do Estado do Rio Grande do Sul e o Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais do Estado do Ceará”, destacou a companhia. A empresa tem operações em Fortaleza, Crato e Sobral.

Dentre as medidas adotadas estão a obrigatoriedade de máscaras medição de temperatura das pessoas antes do ingresso nas dependências da empresa e durante sua permanência, distanciamento entre postos de trabalho, disponibilização de álcool em gel 70% em todos os postos de trabalho e reforço de limpeza nas áreas da companhia.