Fortaleza recebe palestrantes nacionais e internacionais no XV Encontro Nacional de Controle Interno

“O Controle Interno como Instrumento de Aperfeiçoamento da Governança Pública” será o tema central


Imagem: Freepik

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Considerado o maior evento da área no Brasil, o XV Encontro Nacional de Controle Interno promoverá importantes debates sobre temas relacionados à governança digital, boas práticas de auditoria, gestão e governança pública, rede de controle interno, entre outros. O evento ocorre nos dias 25 e 26 de setembro, no auditório João Frederico Ferreira Gomes da Assembleia Legislativa do Ceará. Vagas esgotadas.

Marcelo Zenkner, diretor executivo de Governança e Conformidade da Petrobras, Xiomara Morel, gerente da Prática Global na região da América Latina e Caribe do Grupo Banco Mundial, e Marlos Moreira dos Santos, coordenador-geral de Auditoria da Área de Cidades da Controladoria-Geral da União, são alguns dos nomes que ministrarão os debates em torno de temas pertinentes ao controle interno público.

Para a secretária-chefe da Controladoria Geral do Município de Fortaleza, Luciana Lobo, a realização do evento em Fortaleza é de suma importância. “Nesses dois dias teremos palestras e mesas redondas que tratarão especialmente de temas ligados ao Controle Interno. As inscrições estão abertas para todos que se interessem em conhecer um pouco mais sobre Controle Interno do Brasil. Teremos palestrantes nacionais e internacionais indicados pelo Banco Mundial, Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Controladoria Geral da União (CGU) entre outros órgãos. Durante o evento, serão abordados os temas mais modernos e que estão em ênfase no Brasil e no mundo”, explica.

Entre as novidades da edição em Fortaleza, a Controladoria-Geral da União (CGU) estará com um estande no evento, onde serão apresentados programas e sistemas como Rede Nacional de Ouvidorias, Sistemas Informatizados, e-AUD e PROCOR, com possibilidade de adesão pelos órgãos municipais e estaduais. O objetivo é contribuir para uma gestão pública integrada e eficiente.