Fortaleza concorre ao título da Rede de Cidades Criativas da Unesco

Capital cearense disputa na categoria Design. O resultado sai até o fim de outubro


Fortaleza. Foto: Divulgação

Átila Varela
atila@focus.jor.br

Fortaleza é uma das candidatas brasileiras ao título de cidades criativas da Unesco. A informação é do Ministério do Turismo (MTur).

A Capital cearense disputa na categoria Design. Outras cidades brasileiras entram no páreo, mas em áreas diferentes: Belo Horizonte, Gastronomia; Cataguases, em Minas Gerais, na categoria Cinema; Aracaju, na Música. O resultado sai até o fim de outubro.

Atualmente, a rede, criada em 2004, conta com 180 cidades em 72 países. Oito delas são no Brasil: Belém, Florianópolis e Paraty (RJ), no campo da Gastronomia; Brasília e Curitiba, no do Design; João Pessoa, em Artesanato e Artes folclóricas; Salvador, na Música; e Santos, no Cinema.

Metodologia
Para integrar a rede, a cidade deve preparar um plano de desenvolvimento no campo criativo em que a região se candidatou. O processo de seleção é feito por dois comitês: um técnico, com representação em cada categoria, designado pela Unesco; e um comitê de representantes das cidades já integrantes da Rede, em cada categoria. Ao conquistar o título, a cidade tem a oportunidade de integrar uma rede internacional de cooperação que envolve outros setores criativos, além de participar de projetos estratégicos em âmbito internacional e fomentar a indústria criativa local de forma sustentável e inclusiva.