Exclusivo: Hard Rock Hotel Fortaleza espera atingir R$ 500 milhões em VGV até fevereiro

Atualmente são 228 suítes do bloco do hotel, entre 47 m² (100% esgotadas) e 61 m². Os 132 apartamentos, de 101 m²  e com duas suítes, seguem com 60% de vendas


Hard Rock Hotel Fortaleza
Hard Rock Hotel Fortaleza. Empreendimento terá, além das suítes do hotel, apartamentos e casas. Foto: Divulgação

Átila Varela
atila@focus.jor.br

Exclusivo: O ano de 2020 já começa forte para o mercado imobiliário local, especialmente para a incorporadora VCI. A companhia espera atingir R$ 500 milhões em Valor Geral de Vendas (VGV) no Hard Rock Hotel Fortaleza, localizado em Paraipaba (praia da Lagoinha). A cifra será alcançada até fevereiro.

“Ano passado ultrapassamos a meta de R$ 400 milhões. Fechamos 2019 com R$ 430 milhões”, revela ao Focus Samuel Sicchierolli, presidente da VCI SA. O montante global do empreendimento é de R$ 700 milhões. A intenção é alcançá-lo em meados de julho ou agosto.

Parte do resultado se deve à alta procura por apartamentos do Hard Rock. “Nossa taxa de distrato é baixa se comparado com o mercado multipropriedade. Se a pessoa não pagou, por exemplo, duas prestações e não quer mais, não cobramos multa. A partir do momento que ela devolve eu já revendo”, explica.

Samuel Sicchierolli, presidente da VCI SA. Foto: Divulgação

Segundo o executivo, o mercado multipropriedade é um caminho sem volta. “O segmento mudou. A média do nosso cliente é de 35 anos. Ele investe pela internet, tem o extrato bancário pelo celular, trabalha em um escritório compartilhado. Dá realmente valor ao dinheiro e paga pelo o que usa”, explica. Samuel também traça um paralelo com a segunda moradia.

“Imagine a segunda propriedade. Ao chegar no local, ele quer comodidade. Não quer se deslocar para comprar comida ou cerveja e nem precisa pagar uma pessoa para tomar conta do imóvel. No caso do Hard Rock, há uma rede internacional tomando conta. Ao chegar, terá o ambiente pronto para uso e sem complicações”, argumenta.

Atualmente são 228 suítes do bloco do hotel, entre 47 m² (100% esgotadas) e 61 m². Os 132 apartamentos, de 101 m²  e com duas suítes, seguem com 60% de vendas.  “As casas são um produto de maior valor”, comenta. No total, são 42, sendo 16 unidades Platinum que serão comercializadas integrais, nove unidades Gold para dez pessoas, e 17 unidades Silver para oito pessoas.

Programação
Enquanto o Hard Rock Hotel Fortaleza segue com mais de 90% de obras civis concluídas, o presidente da VCI fala que já estão programados quatro shows internacionais, todos patrocinados pela marca global a fim de divulgar o equipamento no Ceará e no Brasil.

“Em 2020, na pré-abertura, serão quatro shows internacionais. Em 2021 tem o grand opening do hotel. Será um grande show e depois teremos uma programação muito forte. Temos uma área para 12 mil pessoas chamada Woodstock. Essa é a veia, o core business da marca”, finaliza Samuel.

A previsão é que o Hard Rock Hotel seja inaugurado em dezembro de 2020 e empregue 500 profissionais.

Leia Mais
+Investidora do Hard Rock no Ceará fecha parceria para construir hotéis com espanhola Eurostars; Jeri está no radar
+VCI, investidora do Hard Rock Hotel Fortaleza, é finalista do GRI Awards 2019
+Europeus já adquiriram 15% dos apartamentos do Hard Rock Hotel Fortaleza