No Rio Grande do Sul, Ciro e Marina empatam em 2º lugar nos três cenários

Muito conhecidos no Sul, Manuela e Álvaro Dias têm influência maior nos quadros finais das pesquisas


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

 Jair Bolsonaro lidera com folga no Rio Grande do Sul com Lula, sem Lula, com petista e sem petista na disputa. Na sequência dos três cenários pesquisados pelo Paraná Pesquisas, Marina Silva (Rede) e Ciro Gomes (PDT) aparecem colados.

Com Lula na disputa os dois obtêm 6,9% das intenções de voto. Com Fernando Haddad no lugar de Lula ou mesmo sem um candidato petista como concorrente, Ciro e Marina obtêm os mesmos 9,9%. Já sem petista no jogo, Marina fica com 10,4% e Ciro com 10,3%.

A pesquisa no Rio Grande do Sul é diferenciada em relação à maioria dos estados do Brasil por um motivo: os nomes dos presidenciáveis Álvaro Dias (Podemos), que é do vizinho Paraná, e da gaúcha Manuela d’Avila (PCdoB) são bem conhecidos na região e aparecem com percentuais maiores.

A depender de um dos três cenários, Manuela d’Avila aparece com  percentuais que variam entre 8,2% e 4,4%. Alvaro Dias varia entre 7,4% e 6,8%, enquanto Geraldo Alckmin (PSDB) vai de 4,5% a 5,2%. Veja no link abaixo a pesquisa completa.

Instituto Paraná no Rio Grande do Sul.