Ciro Gomes afirma ser “antagonista a Lula e ao candidato do PT”

O pré-candidato do PDT a Presidência participou nesta quarta-feira, 26, da convenção estadual do PDT na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo). 


O pré-candidato Ciro Gomes (PDT) voltou a afirmar que sua candidatura é antagônica a candidatura de Lula e do PT. “Esses jornalões acham que vão me intrigar porque uma parte do baronato que eles frequentam é hostil ao Lula. E eu sou antagônico ao Lula também. Sou candidato, contra o candidato do PT e tenho sido alvo do PT. Mas eu defendo a verdade”, afirmou Ciro aos jornalistas paulistas nesta quarta-feira, 26, na convenção estadual do PDT na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo).

Antes, porém, Ciro Gomes criticou a obrigatoriedade da execução de pena após decisão de segunda instância e afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva “só tem chance de sair da cadeia se a gente assumir o poder e organizar a carga. Botar juiz para voltar para a caixinha dele, botar o Ministério Público para voltar para a caixinha dele e restaurar a autoridade do poder político”.