Ciro diz que só foi processado por puro corrupto, puro picareta e puro assaltante (com vídeo)

Aliado de Camilo Santana, o senador Eunício Oliveira mantém dezenas de processos contra Ciro Gomes


Ciro Gomes discursa durante evento do PDT em Fortaleza

Por Fábio Campos
fabiocampos@focus.jor.br

Além de declarar que seu desejo é votar em André Figueiredo para o Senado, numa clara provocação a Eunício Oliveira, o pré-candidato do PDT à presidência, Ciro Gomes, finalizou o seu discurso na noite de quinta-feira, em Fortaleza, fazendo uma dura menção ao presidente do Senado, que articula aliança eleitoral com o próprio PDT e com o governador Camilo Santana (PT). Ao relatar que responde a processos movidos por Eunício, Michel Temer e Eduardo Cunha, Ciro disse que “não há um só homem de bem” que o tenha levado à justiça e que só foi processado por “puro corrupto, puro picareta e puro assaltante”.

Como já é fato bastante conhecido pelo público, o senador Eunício Oliveira mantém dezenas de processos contra Ciro Gomes. Todos motivados pelo calor do embate eleitoral de 2014, quando o senador disputou o Governo contra Camilo. As primeiras sentenças têm sido favoráveis a Eunício (aqui uma delas). O fato é que a fala de Ciro deixa tanto o senador quanto o governador, que articula a aliança entre ambos, em situação de bastante desconforto.

Ciro disse o seguinte: Quero dizer que sou pavio curto. Tudo bem! Sou realmente bastante indignado. Desafio que algum dia eu tenha avançado contra uma pessoa humilde. Toda a minha agressividade é contra a ladroeira. Já fui processado pelo Michel Temer, já fui processado pelo Eduardo Cunha, já fui processado pelo Eunício Oliveira… esse daí vai para mais de uns 70 processos. Já fui processado, mas não tem um homem de bem que tenha me levado à justiça. Só o puro corrupto, o puro picareta, o puro assaltante do dinheiro do povo.

Vejam no vídeo abaixo a fala de Ciro durante o lançamento do Movimento 12, uma ação do PDT voltada para a campanha de Ciro Gomes a presidente.