Receita estuda ampla desoneração da folha

Marcos Cintra ainda descartou a hipótese de resgatar a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira e afirmou que o Governo estuda a possibilidade de mexer na tabela do imposto de renda


Equipe Focus

O secretário especial da Receita Federal, Marcos Cintra, disse nesta quinta-feira, 10, que o Governo Federal estuda a possibilidade de aplicar uma desoneração da folha mais “ampla” e “abrangente” que a concedida em governo anteriores. “A desoneração das folhas de salário aconteceu [nos governos anteriores] muito em cima de demandas específicas, pontuais, mas queremos fazê-las de maneira geral, ampla, sistêmica. Exatamente essas simulações que estamos tentando fazer.”

A medida de reduzir os encargos trabalhistas teria como propósito a diminuição do número de desempregados. “Estamos trabalhando muito nisso para reduzir os encargos trabalhistas e fazer com que a economia brasileira gere empregos”, afirmou.

Cintra ainda descartou a hipótese de resgatar a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira e afirmou que o Governo estuda a possibilidade de mexer na tabela do imposto de renda, para reduzir o número de alíquotas incidentes no tributo, mas que a prioridade da equipe econômica é a reforma da Previdência.