Produção industrial brasileira cresce 13,1% entre maio e junho

Os dados com ajuste sazonal foram divulgados hoje, 2, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A produção industrial brasileira cresceu 13,1% de maio para junho deste ano. O percentual aponta para recuperação após a queda de 11% registrada em maio. Também é o maior desde 2002 e representa recuperação após queda provocada pela greve de caminhoneiros

Os dados, com ajuste sazonal, foram divulgados hoje, 2, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foram registrados aumentos também na comparação com junho do ano passado (3,5%) e no acumulado do ano (2,3%). No entanto, houve queda (2,5%) na comparação entre os primeiros trimestres do ano.

Dos 26 segmentos industriais pesquisados, 22 registraram alta. Os maiores aumentos vieram dos veículos automotores, reboques e carrocerias (47,1%), dos produtos alimentícios (19,4%), das bebidas (33,6%) e dos produtos de minerais não-metálicos (20,8%).

Recuos ocorreram nos setores de produtos farmoquímicos e farmacêuticos (-0,1%), de impressão e reprodução de gravações (-1,8%) e em outros equipamentos de transporte (-10,7%). O setor de produtos derivados do petróleo e biocombustível permaneceu estável.