Ketchup cearense de acerola disputa prêmio em Paris

O natchup, como está sendo chamado, foi desenvolvido pela Frutã e a UFC. Produto será exportado.


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Desenvolvido pela cearense Frutã e a Universidade Federal do Ceará (UFC), um ketchup de acerola orgânica foi um dos 197 produtos do mundo selecionados para participar da SIAL Innovation. A exposição integra a SIAL Paris, uma das maiores e mais importantes feiras mundiais do setor de alimentos e bebidas.

Além de exposto, o natchup concorre a prêmio e será exportado pela Frutã, indústria especializada em polpas de frutas pasteurizadas, com sede em Jaguaribe. Conforme a empresária Ana Patrícia Diógenes, a empresa tem como mercados Alemanha, França, Portugal e Bélgica, planejando expandir também para Estados Unidos, Caribe e Canadá.

O catchup de acerola foi desenvolvido em parceria com o departamento de Engenharia de Alimentos da UFC, sob a coordenação da professora Lucicleia Torres.

O Ceará também marcará presença na SIAL Paris com estande do Sindialimentos e no espaço da Apex Brasil, junto com empresas de outros estados brasileiros. Em sua última edição, em 2016, a feira reuniu 7.020 expositores de 109 países e 155.700 visitantes. Do Brasil, 102 empresas participaram e voltaram com expectativa de negócios na ordem de US$ 1 bi. As informações são da Fiec.