“Fortaleza vai ter que competir com a gente”, afirma diretor internacional da Aena

Empresa será responsável pela administração do aeroporto de Juazeiro do Norte


Representação do Aeroporto de Fortaleza / Foto: Divulgação

Átila Varela
atila@focus.jor.br

O diretor internacional da Aena, Juan Jose Alvarez, informou que o Aeroporto de Fortaleza vai competir  diretamente com os terminais do bloco Nordeste, arrematado hoje pela espanhola em leilão na Bolsa de Valores. O equipamento da Capital cearense é gerido pela alemã Fraport.

“Fortaleza vai ter que competir com a gente. Esta é a intenção”, destacou em tom descontraído durante entrevista coletiva após o certame. Ele também informou que a Aena deve entrar nas próximas rodadas de concessões.

O bloco Nordeste é formado pelos aeroportos de Recife, Maceió, João Pessoa, Aracaju, Juazeiro do Norte e Campina Grande. A empresa deve investir R$ 190 milhões no terminal cearense.

A Aena administra os aeroportos de Madri, Barcelona, Las Palmas, Valência, Gran Canaria, além de terminais na Jamaica, Reino Unido e Colômbia (Cali e Cartagena).

Leia Mais
+Aena arremata Aeroporto de Juazeiro do Norte; espanhola administrará outros cinco terminais no Nordeste
+Fraport e Vinci fora do leilão do bloco Nordeste
+Seis empresas interessadas no Aeroporto de Juazeiro do Norte
+Leilão dos aeroportos vai render R$ 2,1 bilhões ao Governo Federal