CNC revisa para baixo crescimento do setor de serviços em 2019

Percentual caiu de 2% para 1,7%


Foto: Divulgação

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Os números divulgados na semana passada pelo IBGE, com queda de 0,4% no volume de receita do setor de serviços, fez com que a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) revisasse de 2,0% para 1,7% a expectativa de crescimento do segmento em 2019.

Segundo a entidade, os resultados de curto prazo apontam a fragilidade da recuperação do nível de atividade econômica, especialmente considerando-se que os subsetores pesquisados pelo IBGE respondem por aproximadamente 25% do PIB.