Autônomos são 47% dos que pretendem abrir um negócio em Fortaleza; servidores representam 1%

Pesquisa feita pela Cuali ouviu 400 pessoas entre os dias 21 e 25 de outubro


Por Nathália Bernardo
nathalia@focus.jor.br

A estabilidade se mostra um adversário ao empreendedorismo. Pesquisa feita pela Cuali em Fortaleza e Região Metropolitana aponta que entre os que pretendem abrir o próprio negócio, 47,1% são autônomos. Os empregados no setor privado representam 26,2%, enquanto os desempregados são 8,6%. Já os funcionários respondem por 1,3%.

A pesquisa ouviu 400 pessoas entre os dias 21 e 25 de outubro. A margem de erro com 4,8% para um intervalo de confiança de 95%.

Leia também
+Intenção de empreender cai com o avanço da idade, aponta pesquisa feita em Fortaleza
+Empreender está nos planos de 56,8% da classe D de Fortaleza
+ RMF: 37% pretendem abrir o seu próprio negócio em até dois anos