Desembargador pernambucano irá substituir Fischer nos casos da Lava Jato no STJ

O ministro Felix Fischer está afastado de suas funções desde o início de agosto, quando requereu uma licença de 30 dias. No final de julho, o decano do STJ foi internado com quadro de embolia pulmonar.


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O desembargador do TJPE, Leopoldo de Arruda Raposo, será confirmado nesta segunda-feira, 23, pela Corte Especial do STJ, como substituto do ministro Félix Fischer, da 5ª Turma do STJ, afastado por um quadro de embolia pulmonar. Entre as atribuições de Raposo está a de relatar os casos da Operação Lava Jato. Isso inclui um recurso no qual a defesa do ex-presidente Lula pede para mudar de regime e continue a cumprir a pena no caso do triplex em regime aberto. A informação é da jornalista Sônia Racy, que assina coluna no Estadão.

O ministro Felix Fischer está afastado de suas funções desde o início de agosto, quando requereu uma licença de 30 dias. No final de julho, o decano do STJ foi internado com quadro de embolia pulmonar. Ele participava da 5ª Turma – A 5ª e a 6ª Turmas do tribunal superior são responsáveis por julgar controvérsias de Direito Penal.