Diretores da OAB-CE questionam Comissão Eleitoral

Roberta Vasques, vice-presidente, Gladson Mota, tesoureiro, e Fábio Timbó, secretário-adjunto, marcaram uma nova reunião para segunda-feira, 8.


Equipe Focus

A disputa na OAB-CE tem um novo ringue. Um requerimento assinado pela vice-presidente, Roberta Vasques, o tesoureiro, Gladson Mota, e o secretario adjunto, Fábio Timbó, contesta a indicação da comissão eleitoral para eleição da entidade e convoca uma reunião para segunda-feira, 8. A decisão sobre a composição da comissão eleitoral e o calendário eleitoral teriam acontecido nesta quinta-feira, 4, a tarde.

Os três diretores (que compõem a maioria da diretoria executiva, composta por cinco diretores) afirmam que quando chegaram à sede da OAB-CE foram informados da resolução. A Comissão nomeada seria composta por Martônio Mont´Alverne, Zaneir Teixeira, Felinto Filho, Victor Brasil e Jânio Pereira Cunha. Focus.Jor entrou em contato com a assessoria de imprensa da OAB-CE, que até o momento não confirmou a publicação do Edital, com a composição da Comissão Eleitoral

Ao Focus, o advogado Gladson Mota disse que a contestação é tanto com relação à formalidade, que estaria em desacordo com as normas internas da entidade que determinam que haja uma aprovação da diretoria, como com relação à composição, “já que temos três componentes que participam ativamente das reuniões que são feitas para compor a chapa apoiada pelo atual presidente”. Para reverter a decisão, os três diretores convocaram uma nova reunião para segunda-feira, 8, às 15 horas, na sede da entidade.

Roberta Vasques, atual vice-presidente, deve encabeçar uma das chapas na próxima eleição, apoiadas por Gladson Mota e por Fábio Timbó. Já Marcelo Mota, atual presidente, já anunciou apoio ao presidente da CAACE, Erinaldo Dantas. A terceira chapa deve ser encabeçada por Edson Santana, que não compõe a atual diretoria.

REQUERIMENTO 2