Covid-19: Colégio de Caixas de Assistência da Advocacia planeja imunizar 1,2 milhão de profissionais

No Ceará, o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados (CAACE), advogado Sávio Aguiar, irá compor um comitê juntamente com outros representantes das demais seccionais da OAB


Advogado Sávio Aguiar, presidente da Caixa de Assistência da Advocacia Cearense (CAACE). Foto: Divulgaçãoo

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A Coordenação Nacional das Caixas de Assistência aos Advogados (Concad) planeja imunizar cerca de 1,2 milhão de advogados e advogadas em todo o País. A medida visa também contribuir para para a vacinação da sociedade civil em geral, por meio da ações coletivas. No caso, o formato inicial das Caixas é buscar fornecedores de vacinas que não estejam concorrendo com o poder público, e assim ficar à disposição dos secretários de saúde dos estados.

No Ceará, o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados (CAACE), advogado Sávio Aguiar, irá compor um comitê juntamente com outros representantes das demais seccionais da OAB.

Em contato com o Focus.jor, o advogado Sávio Aguiar disse que “as Caixas ( Caixas de Assistências da Advocacia) já vinham demonstrando essa união desde o início da pandemia, em 2020, sempre objetivando viabilizar ações de cunho solidário voltadas à sociedade civil. Todos os presidentes das entidades estão imbuídos de um mesmo ideal, em sintonia, e o que for possível nós faremos. E, falando de maneira pessoal, é uma honra para mim estar nesta comissão, não descansaremos um só minuto, tendo a certeza que a iremos vencer todos os desafios que nos sejam impostos”.

Em nota oficial, a Concad destaca que “empreenderão esforços para a ALOCAR profissionais, tantos quantos necessários, para auxiliar
a advocacia nos encaminhamentos para rede pública ou privada, de acordo com cada caso – tanto para titulares de planos de saúde suplementares, quanto para segurados gerais do Sistema Único de Saúde (SUS), de forma a garantir celeridade no atendimento e mitigar as consequências da COVID19”.

“Não existe um (laboratório) específico, a ideia é ir buscar fornecedores que não estejam no radar do poder público ou que não tenham exclusividade”, conclui o presidente da Caixa de Assistência da advocacia cearense, advogado Sávio Aguiar.

Veja a íntegra da Nota Oficial da Concad

Portaria de nomeação do advogado Sávio Aguiar para o comitê nacional