Congresso analisa segundo pedido de impeachment de Trump

Trump deve se tornar ao primeiro presidente dos EUA a sofrer dois impeachments. Ele é acusado formalmente de incitar à violência que resultou na invasão do Capitólio


Presidente Donald Trump. Foto: Reuters

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Congresso dos Estados Unidos começou a analisar o segundo processo de impeachment do presidente Donald Trump. Para evitar tumultos e garantir a segurança, soldados da Guarda Nacional estão dentro do Capitólio.

Trump deve se tornar ao primeiro presidente dos EUA a sofrer dois impeachments. Ele é acusado formalmente de incitar à violência que resultou na invasão do Capitólio. As informações são do G1.

No primeiro impeachment, Trump foi condenado pela Câmara mas absolvido pelo Senado (e nenhum deputado republicano e só um senador do partido votou contra o presidente). Desta vez, já são cinco deputados os que anunciaram que vão votar pelo impeachment.

De acordo com o periódico, nunca um presidente americano teve o impeachment aprovado no Senado. Antes de Trump, Andrew Johnson e Bill Clinton também tiveram seus processos de impeachment aprovados pela Câmara e foram absolvidos pelo Senado. Já Richard Nixon renunciou antes de o processo ser votado na Câmara.

A dúvida é se os senadores republicanos que romperam com Trump conseguirão formar a maioria de dois terços no Senado para destituí-lo. Outra incógnita é se o Congresso pode continuar com o processo mesmo após ele deixar de ser presidente.