Confira os resultados extraoficiais das Eleições no exterior; Lula domina em maioria dos países

Cerca de 700 mil brasileiros que vivem em outros países irão às urnas para escolher o representante do Executivo Nacional.


Foto: Sérgio Lima/Poder360

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Parte dos países da Ásia e da Oceania já finalizaram a votação para Presidente da República do Brasil. Em sequência, várias imagens dos boletins de urna circulam na web antecipando o que deverão ser os resultados oficiais. As principais escolhas dos eleitores foram Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL).

No total, cerca de 700 mil brasileiros que vivem em outros países irão às urnas para escolher o representante do Executivo Nacional. Reservamos o resultado de algumas sessões estrangeiras, que funcionam como “termômetro” para a corrida eleitoral.

Vale lembrar que o resultado oficial no exterior, no entanto, só será divulgado assim que as eleições forem encerradas no Brasil, após as 17h (horário de Brasília).

O primeiro país a circular imagens dos boletins foi a Nova Zelândia, que contou com o candidato do PT recebendo 73% dos votos (329) e o postulante do Partido Liberal com 15% (21). Outro destaque vai para a Tailândia, onde Lula venceu Bolsonaro por quatro votos (46 contra 42).

Confira como está a movimentação em outros países:

Angola

Lula: 124 votos – 57,14%

Bolsonaro: 93 votos – 42,86%

Arábia Saudita

Lula: 26 votos – 59,09%

Bolsonaro: 18 votos – 40,91%

Austrália

Lula: 1771 votos – 62,36%

Bolsonaro: 1069 votos – 37,64%

Áustria

Lula: 251 votos – 74,93%

Bolsonaro: 84 votos – 25,07%

Bélgica

Lula: 1261 votos – 66,79%

Bolsonaro: 627 votos – 33,21%

China

Lula: 166 votos – 57,84%

Bolsonaro: 121 votos – 42,16%

Coreia

Lula: 130 votos – 71,04%

Bolsonaro: votos -53 28,96%

Croácia

Lula: 25 votos – 64,10%

Bolsonaro: 14 votos – 5,90%

Dinamarca

Lula: 936 votos – 86,46%

Bolsonaro: 147 votos – 13,77%

Egito

Lula: 42 votos – 66,67%

Bolsonaro: 21 votos – 33,33%

Emirados Árabes Unidos 

Lula: 119 votos – 37,30%

Bolsonaro: 200 votos – 62,70%

Estônia

Lula: 148 votos – 90,24%

Bolsonaro: 61 votos – 9,76%

Finlândia

Lula: 390 votos – 75,44%

Bolsonaro:  127 votos – 24,56%

França

Lula: 7520 votos – 84,92%

Bolsonaro: 1335 votos – 15,08%

Grécia

Lula: 164 votos – 44,44%

Bolsonaro: 205 votos – 55,56%

Holanda

Lula: 4090 votos – 80,99%

Bolsonaro: 961 votos – 19,01%

Hungria

Lula: 491 votos – 87,21%

Bolsonaro: 72 votos – 121,79%

Israel

Lula: 234 votos – 47,56%

Bolsonaro: 268 votos – 52,44%

Japão

Lula: 1348 votos – 20.67%

Bolsonaro: 5175 votos – 79,33%

Luxemburgo

Lula: 253 votos – 59,25%

Bolsonaro: 174 votos – 40,07%

Moçambique

Lula: 117 votos – 43,82%

Bolsonaro: 150 votos – 56,18%

Noruega

Lula: 549 votos – 77,32%

Bolsonaro: 161 votos – 22,68%

Nova Zelândia

Lula: 329 votos – 82,25%

Bolsonaro: 71 votos – 17,75%

Palestina

Lula: 592 votos – 91,93%

Bolsonaro: 52 votos – 8,07%

Polônia

Lula: 213 votos – 79,48%

Bolsonaro:  55 votos – 20,52%

Quênia 

Lula: 25 votos – 52,08%

Bolsonaro: 23 votos – 47,92%

Rep. Tcheca

Lula: 253 votos – 81,35%

Bolsonaro: 58 votos – 18,65%

Rússia

Lula: 45 votos – 61,64%

Bolsonaro: 28 votos – 36%

Sérvia

Lula: 30 votos – 78,95%

Bolsonaro: 8 votos – 21,05%

Singapura

Lula: 182 votos – 65,23%

Bolsonaro: 97 votos – 34,77%

Suécia

Lula: 1632 votos – 79,49%

Bolsonaro: 421 votos – 20,01%

Suíça

Lula: 1981 votos – 50,65%

Bolsonaro: 1930 votos – 49,35%

Tailândia

Lula: 46 votos – 52,27%

Bolsonaro: 42 votos – 47,73%

Timor Leste

Lula: 18 votos – 32,73%

Bolsonaro: 37 votos – 67,27%

Com informações do G1

Focus Especial Eleições 2022 fará a melhor e mais inteligente análise da apuração