Ceará apresenta queda de 1,2% na taxa de desemprego

Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), a taxa de desocupação ficou em 10,6%


Foto: Agência Brasil.

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A taxa de desocupação recuou no Ceará, 4º trimestre de 2019. No terceiro trimestre do ano passado, o índice registrava 11,3%. Já no quarto trimestre do mesmo ano, o índice era de 10,1%. A queda foi de 1,2%.

No período, o número de desocupados no Estado passou de 467 mil para 423 mil. A informação foi divulgada nesta sexta-feira, 14, pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), elaborada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

As maiores taxas de desocupação foram observadas na Bahia (16,4%), Amapá (15,6%), Sergipe e Roraima (14,8%) e as menores em Santa Catarina (5,3%), Mato Grosso (6,4%) e Mato Grosso do Sul (6,5%).

Entre as médias anuais, as maiores taxas ficaram com Amapá (17,4%) e Bahia (17,2%) e a menor com Santa Catarina (6,1%), seguida por Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, todos com 8,0%.