Cagece vai entrar no mercado de geração e comercialização de energia renovável

Para a SPE, além da Cagece, participarão a Goener Participações S.A. e Soma Consultoria em Gestão Energética Ltda como acionistas majoritários


painel solar energfia
Energia Solar. Foto: Freepik

Por Átila Varela
atila@focus.jor.br

A Cagece vai investir na geração e comercialização de energia elétrica renovável. A companhia disse ao mercado que formará uma sociedade de propósito específico (SPE).

Inicialmente a empresa vai começar com a matriz solar. A ação foi aprovada pelo Conselho de Administração da companhia.

O objetivo inicial é atender o mercado de clientes de baixa tensão e de geração centralizada – autoconsumo nas unidades da companhia em alta/média tensão.

Para a SPE, além da Cagece, participarão a Goener Participações S.A. e Soma Consultoria em Gestão Energética Ltda como acionistas majoritários. Elas vão deter 85% do controle das operações, enquanto a Cagece ficará limitada a 15%.

As empresas

A Goener é uma empresa cearense responsável por desenvolver 16 MW em projetos. Atende em 5 Estados. Atua no ramo de energia solar, biogás e hidroelétrica.

Já a Soma é uma empresa de  Fortaleza que oferece uma consultoria no segmento de energia.

Atua com eficiência energética, gestão de contratos, análise de viabilidade, assessoria regulatória, negociações, gestão de performance e Energy Management Assessment.