Bolsonaro no G20: Reforma da OMC é “elemento-chave” para economia

Bolsonaro falou ainda sobre medidas de combate à pandemia, proteção e estímulo à economia e possíveis vacinas contra a COVID-19


O presidente da República, Jair Bolsonaro, participa da reunião da Cúpula de Líderes do G20 em formato virtual no palácio do Planalto. Foto: Marcos Corrêa/PR.

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Bolsonaro pediu neste sábado, 21, reformas e avanços nos compromissos da Organização Mundial do Comércio (OMC) aos demais líderes do G-20, durante reunião virtual em Riad, na Arábia Saudita. Ele disse que os pilares que formam o acordo – negociações, solução de controvérsias, monitoramento e transparência – devem ser discutidos pelos ministros dos países da OMC.

No discurso, o chefe do Executivo falou ainda sobre medidas de combate à pandemia, proteção e estímulo à economia e possíveis vacinas contra a COVID-19.

Segundo o presidente, as iniciativas de cooperação internacional prosperaram desde o último encontro extraordinário do grupo, ocorrido em 26 de março. Bolsonaro citou os esforços e o sucesso na manutenção do fluxo comercial regular entre os países, apesar do contexto da pandemia.

Ao destacar a necessidade de reformas nos compromissos da OMC, o presidente afirmou que a ambição de reduzir os subsídios para bens agrícolas deve contar com a mesma vontade com que alguns países buscam promover o comércio de bens industriais. Para ele, a reforma da organização deve prever “a criação de condições justas e equilibradas não só de bens, mas também de serviços.”