Últimos artigos

  • 4 meses atrás

    Daniel Arasse serve como óculos em “Nada se vê”

    A obra é simples: seis quadros analisados pelo olho de um grande especialista na área de pintura renascentista. Pelo tema, tem tudo pra ser pedante que só, inacessível até. Mas...

  • 4 meses atrás

    Uma recomendação: O Rei Leão

    Saí extasiado do cinema. O Rei Leão foi a inesperada bomba de nostalgia com uma pitada de super realismo à la Animal Planet. Aliás, muitas pessoas reclamaram desse realismo do...

  • 4 meses atrás

    Quando a arte imita a vida, ninguém acredita

    Um DJ, uma pedicura, um forjador e um Uber entram num bar...

  • 4 meses atrás

    “Os dias da crise”, livro de Jerônimo Teixeira, não ousa fechar 2013

    Enquanto as ruas estão ocupadas, a economia está esvaziada. Os dias da crise quebraram muitas empresas, destruíram modelos de negócios fajutos e abriram caminho para charlatões empresariais com credenciais de...

  • 4 meses atrás

    No Bar Luva Dourada; ou De frente para o grotesco

    Nesse tal de mundo real, não existem safe-zones. O caos e o horror convivem com a beleza e a graça. É assim desde que o mundo é mundo.

  • 4 meses atrás

    Desobedecer – Frédéric Gros

    Uma ressalva, Gros não é nem um pouco propagandista. Aqui não temos uma ode à desobediência. Agora, se você ler e achar que obedecer não faz sentido, fique livre pra...

  • 4 meses atrás

    O melhor sapo no pântano

    Antigamente o negócio era aprender inglês nos almanaques de música do mês. Isso já cantava Belchior. E mais, ele falou de os alto-falantes tocando pras cidades do interior do nordeste....

  • 4 meses atrás

    Gastrite, frio e Dostoiévski

    Dostoiévski é o maior pior escritor da literatura mundial

  • 5 meses atrás

    Onde estará você, João Gilberto?

    Hoje, dia seis de julho de 2019, morreu aos 88 anos João Gilberto. Acabou-se a chance de conhecer mais dele. De saber o que ele pensava. Dos casos secretos...

  • 5 meses atrás

    Poema do dia // VIII

    As rimas – Gonçalo M. Tavares Declaradamente, as rimas deverão ser esmagadas Entre o polegar e o indicador Como uma reles pulga. Sendo que, para ouvidos atentos, o ruído provocado...