Bilionário russo quer comprar o Fortaleza Esporte Clube

Interesse está no fato de o Leão do Pici ter uma torcida numerosa - uma das maiores do Norte-Nordeste - e apaixonada pelo time, assim como a permanência do clube na elite do futebol brasileiro


Ivan Savvidis
Ivan Savvidis, dono do PAOK, da Grécia. Foto: Agona Sport

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A moda dos clubes-empresa começa a despontar no Brasil. Vide o caso do Red Bull Bragantino que projeta investir R$ 200 milhões em contratações. O mais curioso, no entanto, é gente querendo comprar clubes brasileiros e transformá-los em potências. E um dos futuros investidores atende pelo nome de Ivan Savvidis.

Segundo o site Gazeta Esportiva, o bilionário russo já estuda as potenciais aquisições. Ele foi convencido pelo filho e sócio Giorgos Savvidis, um apaixonado pelo futebol brasileiro. Na roda de futuras compras, entra o Fortaleza Esporte Clube.  O interesse está no fato de o Leão do Pici ter uma torcida numerosa – uma das maiores do Norte-Nordeste – e apaixonada pelo time, assim como a permanência do clube na elite do futebol brasileiro. Por fora ainda corre o Paraná Clube que está na Série B.

Mas a diretoria do Fortaleza não quer conversa. O primeiro vice-presidente do clube, Marcello Desidério, descartou a negociação em publicação no Twitter.

Modelo de negócios
Se Savvidis repetir o que fez em 2013 com o PAOK, da Grécia, os clubes não terão do que reclamar. Na esteira de estratégias estão a quitação de dívidas, investimento em contratações para obter retornos financeiros e dentro de campo.

Assim como o foco do Red Bull Bragantino no Brasil, ter em seu plantel jogadores jovens e com potencial de venda.