“As portas do país estão abertas para falar com o povo”, afirma Lula, em seu primeiro discurso

Lula falou aos manifestantes que faziam parte do movimento "Vigília por Lula". Agora, o ex-presidente deve seguir para São Paulo


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O ex-presidente Lula afirmou nesta sexta-feira, 8, que “eles (força-tarefa) não tentaram prender um homem, mas matar uma ideia”. Lula, em seu primeiro discurso, disse que a partir da semana que vem “as portas do país estarão abertas”, dando a ideia de que irá percorrer o país. O ex-presidente discursou rapidamente e deve agora seguir para São Paulo. O ato deve ser realizado em São Bernardo do Campo (SP), em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos, na manhã deste sábado.