Armazém de fogos de artifício pode ter causado explosão em Beirute

O incidente na região portuária de Beirute, no Líbano, levou a óbito 50 pessoas e feriu outras 2.750


Foto da explosão em Beirute. Foto: Reprodução

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

A explosão de grandes proporções na região portuária de Beirute, no Líbano, levou a óbito 50 pessoas e feriu outras 2.750. As informações são do ministro da Saúde, Hamad Hassain. Os números tendem a crescer ao passo que as equipes de socorro realizam os trabalhos.

Canais de TV locais informam que a região era apinhada de armazéns de fogos de artifício.

No entanto, a cúpula de segurança geral do Líbano informou que a explosão foi causada por chamas em um armazém com material explosivo. Na unidade estavam materiais confiscados há anos pelo governo libanês, entre eles nitrato de sódio – substância largamente usada para fabricar fertilizantes e explosivos.

Leia Mais
+Explosão em Beirute causou “alto número de feridos”, diz ministro da Saúde
+Explosão no Líbano eleva preço do petróleo no mercado internacional